a filha do açougueiro

A filha cresceu vendo o pai trabalhando quase todo santo dia no seu negócio, um açougue local com todos os tipos de carne, movimentado todos os dias, um comércio de confiança no bairro. Mas com o passar dos anos os clientes foram diminuindo… o pai não entendia o por quê, se perguntava o que estava fazendo de errado para perder tanta clientela. Não achava resposta, pois suas carnes continuavam sendo de ótima qualidade.

Screen Shot 2015-07-03 at 2.07.22 PM

A filha, no entanto, via amigos e conhecidos cada vez mais interessados em alimentação saudável, orgânica e vegetariana, e percebia que o negócio do pai já não tinha mais apelo frente as novas formas de pensar e de viver dos tempos atuais. Era preciso se reinventar pra sobreviver. Assim, sugeriu ao pai que se aposentasse e deixasse o espaço do açougue pra ela, ela ia dar um jeito de criar algo novo que fosse lucrativo e em sintonia com a nova geração. Não sei se foi assim, mas podia ter sido: vem comigo conhecer o Butcher’s Daughter, restaurante em NY que, além de ter um espaço bem fofo, tem um cardápio interessante e maravilhoso pra quem é vegetariano. Screen Shot 2015-07-03 at 2.08.06 PM A missão do lugar é tratar frutas e vegetais como um açougueiro trataria as carnes: valorizando as opções frescas, cortando, esculpindo e criando os mais deliciosos ‘filés’ – só que, no caso, nenhum ali tem origem animal. O menu muda a cada dia, é separado com diferentes criações a cada horário (café da manhã, almoço, brunch e jantar) e só entra ingredientes 100% vegetarianos e sem lactose. A opção, claro, é por alimentos orgânicos produzidos localmente pra fortalecer os produtores locais. Screen Shot 2015-07-03 at 2.07.59 PM Como uma pessoa que adora lugares com paredes brancas, móveis de madeira rústica e muitas plantas misturadas a outros elementos com cara mais ‘industrial, só de olhar pro restaurante já quis sentar e provar. Mas descobri que o cuidado vai além da estética e isso é melhor ainda. Minha experiência por lá foi na hora do almoço em um dia de semana pra bater papo com uma amiga. Sentamos na mesa coletiva que fica dentro do espaço e optamos pelo mesmo sanduíche: Butcher’s Grilled Cheese. Prepare-se pra descrição (não leia se estiver faminto!): queijo cheddar vegano derretido, tomate, abacate, adzuki bacon (adzuki é um tipo de feijão da Ásia, delicioso) e manjericão. Ó só: Processed with VSCOcam with f2 preset Dicas: quer tomar um suco fresco, saboroso e misturado com alimentos que você nunca imaginou? Isso não é fácil de se achar por aqui, mas no BD dá pra encontrar muitas opções – os diferentes sucos são alguns dos carros-chefe da casa (mas têm um preço salgado se convertido..). Eles também têm uma lojinha ao lado do restaurante, que vende desde de azeite extravirgem a misturas que prometem ser remédios naturais pra dar um up no sistema imune ou atiçar o desejo sexual, por exemplo. A casa também oferece diferentes pacotes de detox com sucos (alguns com comida crua também), e no site, dá pra se cadastrar na mailing list do restaurante e receber ofertas, saber das novidades e ganhar convites pra eventos especiais, como as feiras que eles organizam. Screen Shot 2015-07-03 at 2.07.41 PM Quer conhecer de perto? Vai lá:

The Butcher’s Daughter 19 Kenmare St – New York

PS: lembrei do Naturalie Bistrô, no Rio, lembra?

Rio Vegetariano

É uma delícia passear pelos corredores da Cobal Humaitá, aqui no Rio. Gosto de ir lá para comprar flores, vinhos e alimentos orgânicos. Mas também, tomar um café ou chopp com os amigos, afinal, não faltam bares e restaurantes para isso! No Dia do Amigo, 20/7, estava perto e combinei com uma amiga de almoçar por lá. A gente decidiu conhecer o Rio Vegetariano, restaurante de comida natural e vegetariana que sempre ouvi falar muito bem. E valeu a pena!

A casa servia dois pratos principais, um deles feijoada vegetariana, o outro almôndegas de legumes com arroz integral, feijão e farofinha. Escolhi esse e não me arrependi, ainda veio com uma saladinha orgânica. Tudo bem caprichado! Ainda estamos no inverno, mas eu já tô com a cabeça no verão.. .e chegou a hora de cuidar da alimentação, né? Esse almoco saciou muito a minha fome e deu aquela sensacao “sou saudável”, sabe? Então fica a dica para quem gosta de comida vegetariana e de fazer programinhas despretensiosos pelo Rio 🙂